terça-feira, agosto 31, 2004

duas possíveis legendas

Passa para mim essa tristeza do tempo que já foi e não olhes com água nos olhos esse dia que não volta que o amanhã está aí, já à espreita.

Passa para mim a dor e também a revolta do dinheiro que falta e nunca sobeja para o presente do marido por mais desmerecido que seja.

Passa, passa em frente desse ontem magoado, agarra o tempo que resta, põe um sorriso na cara que a vida é mesmo esta, esta que está aí e que tantas vezes não presta.

Ou, citando Micaela:

"Quando eu quiz ser mulher para ti, tu me disseste que era muito cedo, agora queres e eu digo assim: chupa, chupa, chupa, chupa no dedo".

3 Comments:

Blogger Softy Susana said...

Fiquei deliciada com tanto regresso! Sinto-me satisfeita, valeu a pena a espera.

4:22 da tarde  
Blogger Tino de Rans said...

A Micaela é também uma das minhas musas. A estratégia do Tino de divulgar música portuguesa de qualidade está a surtir efeito.

5:59 da tarde  
Blogger forass said...

Eu acho que a Sra. estava a comer um chocolate e está a lamber os dedos.

Ora portanto mais uma vez um referência ao aspecto sexual da coisa... sim sr, muito bem...

5:26 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home